segunda-feira, 15 de abril de 2013

Vítor Gaspar ministro das Finanças da Troika.

Gaspar ministro da troika

Há quem diga que a imagem de Vítor Gaspar é muito importante no estrangeiro.

Apenas envergonha Portugal e os portugueses:
-  O Vídeo (a iniciativa de Sócrates).



Para ver últimos posts clicar em – página inicial

2 comentários:

Anónimo disse...

É a pura da verdade. Apenas tenho pena de ter de ouvir o comentário vindo da boca de um parasita igual aos que estão lá agora. Eu não esquecerei o Freeport! Nunca. E relembro que estando eu desempregado, me custa muito ver o dinheiro dos meus impostos a serem usados para pagar a estes senhores das máfias partidárias centristas, sejam elas quais forem. Há 39 anos que estes chupistas sacam insaciávelmente, para uso pessoal seus e dos seus "boys", a pouca riqueza de Portugal. Se sem qualquer vergonha estes traidores à pátria vêm em tons de laranja e rosa, fazer a gestão da sua imagem política nas televisões públicas então está relegados "para o banco" e não no relvado de jogo.
Há pouco tempo concluí o seguinte: A corrupção de um paísnão se mede pelo número de corruptos que existem...mas sim pelo número de corruptos que estão presos. Em Portugal nem um! R pela primeira vez em 53 anos...sinto vergonha de ser português.

Carlos Mesquita disse...

Meu caro anónimo está dividido porque mete uns no mesmo saco… e tirou do saco o que lhe convém. A minha experiencia profissional, quer nas compras quer nas vendas de muitos milhares de contos (e euros), diz-me que a corrupção não é especialmente rosa ou laranja, tem todas as cores, sem excepção, e a maior parte dela nada tem a ver com a política.

Também não é desde há 39 anos, porque antes ainda era mais generalizada.

Pelo que se lê neste blogue verá que não sou socialista (PS), mas comparar o patriotismo de Sócrates e dos governantes actuais é uma enormidade; será aliás, uma das principais coisas que os distingue. O melhor é esquecer o Freeport, já deu o que tinha a dar e deu mais do que o caso merecia.